quarta-feira, 23 de Abril de 2014

AMANHÃ


Todos os caminhos vão dar ao Santuário da Luz.

Vou ser a primeira a entrar.

terça-feira, 22 de Abril de 2014

QUANDO SERÁ ....


Que deixará de haver políticos cretinos?

segunda-feira, 21 de Abril de 2014


NÃO VAI TARDAR MUITO ...


Que todos os agricultores portugueses fiquem completamente nas "lonas" e tenham de vender os seus apetrechos, para serem utilizados noutros fins.

domingo, 20 de Abril de 2014

BENFICA CAMPEÃO NACIONAL PELA 33.ª VEZ


Agora é que o Pintainho vai tomar uma caixa inteira de "Xanax".

Chora, Chora , chora,  Pintainho chora,  que o Benfica é o Campeão agora.

"ETERNAL FLAME"



A  "chama" será eterna quando existe algo que está para além dos nossos sentidos e que nunca conseguimos banir das nossas memórias, por mais que tenhamos tentado.

É como um farol que me recorda o caminho que já trilhei, mas que não quero voltar a percorrer. 

Que ela nunca se apague!

sexta-feira, 18 de Abril de 2014

PENSAMENTO DO DIA

IN MEMORIAM


« Descobri que a minha obsessão de que cada coisa estivesse no seu lugar, cada assunto no seu tempo, cada palavra no seu estilo, não era o prémio merecido de uma mente ordenada mas, pelo contrário, um sistema completo de simulação inventado por mim para ocultar a desordem da minha natureza. Descobri que não sou disciplinado por virtude, mas como reacção contra a minha negligência; que pareço generoso para encobrir a minha mesquinhez, que passo por prudente por ser pessimista, que sou conciliador para não sucumbir às minhas cóleras reprimidas, que só sou pontual para que ninguém saiba como pouco me importa o tempo alheio. Descobri, por fim, que o amor não é um estado de alma mas um signo do Zodíaco.»


(Memória das Minhas Putas Tristes - 1.ª Edição - Página 67)

Gabriel García Marquez

quinta-feira, 17 de Abril de 2014

UMA VERDADEIRA INSPIRAÇÃO


Hoje precisei de ficar sozinha com os meus "botões".

Por vezes sinto essa necessidade de parar um pouco para viajar até ao ínfimo do meu Ser, para encontrar algumas respostas a questões que tenho por hábito colocar a mim própria e ao meu Deus.

A solidão é diferente do estar só.

Vive em solidão quem é contumaz em afastar de si todas as oportunidades e hipóteses de ser feliz.

O "estar só" é uma opção do momento, aquilo a que se poderá chamar um estado de alma necessário.

Sentada, junto ao rio, li de uma assentada o livro do Manuel Forjaz.

Não é um livro de auto ajuda, não é um carpir de mágoas, não é o relato de um "coitadinho".

É uma verdadeira inspiração.

É uma lição de Vida e de Esperança.


Obrigada Manuel Forjaz!


quarta-feira, 16 de Abril de 2014

BENFICAAAAAAAAAA!!!!!


Esta noite o Pintainho vai ter de tomar um "xanax" e uma purga.

Foi muito milho para a carroça dele.

JUSTA REIVINDICAÇÃO


Sempre a aprender.

E eu a pensar que se escrevia "foda-se".

terça-feira, 15 de Abril de 2014

"FACTURA DA SORTE"

segunda-feira, 14 de Abril de 2014

A POLÍTICA E O OLHO DO CÚ



Pouco tempo depois de Deus ter criado o Homem, todos os órgãos do corpo recém-criado queriam ser o Chefe. E os argumentos que cada um deles apresentou para assumir a chefia, foram os mais diversos.

O cérebro dizia com a arrogância própria dos cérebros: "Eu penso por todos vocês. Eu sou a inteligência. Eu controlo tudo por meio das acções dos meus neurónios. Então, se alguém aqui tem que ser Chefe, esse alguém sou eu.".

"Nós é que devemos assumir a chefia, pois somos nós que transportamos todo o corpo aos mais diversos lugares. Ainda que o cérebro queira ir a algum lugar, se nós não quisermos levá-lo, então o corpo não irá a lado nenhum" , disseram as pernas, em coro, recusando o falacioso argumento da massa cinzenta.

E as mãos: "Isso é puro disparate. Nós executamos todo o trabalho e é com ele que ganhamos dinheiro para o corpo sobreviver. É com esse dinheiro que todo o resto do corpo se mantém. Temos de ser nós o Chefe.".

"Onde não há sangue não há vida. Quem manda o sangue a todas as partes do corpo sou eu. Portanto, devo ser eu o escolhido". Foi o que o coração disse, tentando dominar a emoção do momento.

A certa altura ninguém se entendia, pois todos falavam ao mesmo tempo. Até a própria boca. Os pulmões ficaram ofegantes. Os olhos, irritados. O fígado e os rins protestavam e até os intestinos se manifestaram provocando um grande mal-estar geral.

De repente, fez-se um inexplicável silêncio e ouviu-se uma voz grave e solene:

- Quem vai ser o Chefe sou eu.

Quem assim falava, era o Cú.

Deram todos uma sonora gargalhada. Afinal de contas, ele nunca tinha sido levado a sério. Nunca fizera nada por merecer qualquer atenção, a não ser alguns ruídos ininteligíveis e fedorentos. E sobretudo merda, muita merda.

Mas o Cú insistiu:

-Quem vai ser o chefe sou eu. Querem ver?

E mais não disse, nem fez. Fechou-se em copas. Enfim, deixou de funcionar.

Em poucos dias, o cérebro já não conseguia raciocinar. Os olhos ficaram baços. As pernas não se punham de pé e as mãos pendiam flácidas dos braços enfraquecidos. Os batimentos do coração ficaram imperceptíveis, de tão fracos. Os pulmões estavam nas últimas. Todos sobreviviam com dificuldade. O corpo estava à beira da morte.

Sem alternativa, todos os órgãos concordaram em reunir-se em Conselho e todos votaram para que o Cú fosse designado, aclamado e aceite por todos, como "Chefe".


A partir daí, as coisas começaram a normalizar.

Cada uma das partes do corpo fazia o seu trabalho enquanto o Olho do Cú tudo observava, organizava e dirigia.

Mas, principalmente, fazia o que dele se esperava: merda , muita merda.

A partir daí, soube-se que não é necessário ser um cérebro nem ter uma grande inteligência para ser "o Chefe”.

Um simples olho do Cú, que passa todo o tempo a fazer merda, pode muito bem ser “o Chefe”.


AS "COISAS" QUE ME MANDAM


Hoje enviaram-me este candimba, com um convite para fazer parte de um grupo constituído no facebook.

Pessoal, a sério, estou mesmo solidária com vocês, mas já sabem que nunca fui apologista do facebook nem de nenhuma outra rede social.

Não é por nada, mas as redes sociais são como clubes de "encalhados", com tanta gente de "braços no ar" e em "bicos dos pés".

Já sei que me vão dar no "toutiço", mas volto a recordar-vos que pelo facebook "morre o peixe".



sábado, 12 de Abril de 2014

ESPERANÇA