sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

ROUPA SUJA



Aproxima-se o dia das limpezas na Miguel Bombarda.

Estão todos numa azáfama, a ver quem fala mais mal deste ou daquele candidato, deste ou daquele Partido.

E o Bairro das Palmeiras volta, assim, à ribalta.

De repente, todos se interessam, de novo, pela sua requalificação e pelo Projecto Prohabita que nunca foi projecto naquela zona, porque foi morto e enterrado por eles próprios.

Ó suprema hipocrisia e distinta lata de quem tudo faz para atingir fins, não olhando a meios.

Em todas as campanhas "choram" baba e ranho pelo Bairro das Palmeiras mas o Bairro, passada a "onda", lá continua na mesma e a degradação também, para desespero das pessoas de bem que nele habitam.

O Bairro das Palmeiras é o "bombo" da festa daqueles que NADA FIZERAM pelo Barreiro.

Ideias, não há.

E como não há ideias, há que trilhar o caminho mais fácil: lavar roupa suja e defender a recuperação do Bairro, como se este lhes interessasse para alguma coisa.

Estamos fartos!

Sem comentários: