segunda-feira, 2 de junho de 2008

ATÉ BREVE!



Não vou a Marrocos triplicar o saldo da minha tia.

Tão pouco vou a Marrocos.

Falo de Marrocos, como podia falar da China ou do Afeganistão.

Quando vou a um país que não me atrai, digo sempre: "Lá vou eu para Marrocos".

É só até ao fim do mês.

Estou a precisar de desanuviar, complicando.

Inté!

Fiquem todos bem por cá.

Vou morrer de saudades.

Sem comentários: