quarta-feira, 16 de julho de 2008

ANDANDO POR AÍ...



Hoje fui andar sem destino pelas ruas do Barreiro.

Apesar do calor, corri todos os quelhos e vielas da cidade, a pé, coisa que já não me lembro de fazer há muito tempo.

Reparei que a cidade está suja e que as pessoas andam tristes.

Mesmo na chamada zona chique, os prédios, alguns deles, já não sabem o que é uma pintura e há sinais evidentes de degradação.

Parei, por instantes, no Centro de Saúde da Barbosa du Bocage. Não tem condições nem para os utentes nem para os funcionários.

É assim que o Barreiro quer ser a tal cidade do cinema, que tantos apregoam?

Não acredito.

Sem comentários: