quinta-feira, 24 de setembro de 2009

PORQUE É OUTONO...



No Outono os dias começam a ficar mais frescos e a noite chega mais cedo, por entre a folhagem. Acabou-se o Verão e, com ele, os dias despreocupados.

O relógio volta a ter o seu lugar de destaque, comandando os instantes e roubando memórias.

Sinto sempre uma certa nostalgia, quando começa o Outono. Fico com a sensação que uma nova vida vai surgir e que tudo vai ser diferente, daí em diante.

Depois vem o ritual: roupas que se guardam, objectos que se arrumam e se esquecem até ao ano seguinte.

O Outono, este ano, entrou quente e radioso e, como tal, nem parece Outono.

Olho para a lareira e sinto saudades.

Saudades das noites frias, enroscada em pantufas e pijamas confortáveis, dos chás quentes, perfumados, e das bolachas caseiras, com sabor a mel e a canela.

Sinto saudades.

Saudades da tua aldeia, do fogo aceso, crepitante, e do calor do teu abraço.

Porque é Outono.

Sem comentários: