sábado, 27 de novembro de 2010

OS DEMAGOGOS


Nestes últimos dias tenho-me insurgido à brava, contra essa história de a classe política ter resolvido instituír e comemorar o dia internacional contra a violência perpetrada sobre as mulheres.

Ora não é só ao dia 25 de Novembro que as mulheres que são vítimas de maus tratos, violência física, psicológica ou sexual, precisam de ajuda e que se fale delas.

Todos os dias há dezenas de mulheres que são ameaçadas, agredidas, vilipendiadas, abusadas e até assassinadas, não só pelos maridos, amantes ou companheiros, mas também por desconhecidos que têm orgasmos quando ameaçam ou batem em mulheres.

Este é um tema recorrente em muitos dos meus "posts" e artigos e nunca esperei por dias marcados, para vir à liça condenar aquilo que sempre achei abominável e que é o facto de um homem ameaçar ou agredir uma mulher.

Também há mulheres que batem em homens, eu sei. Conheço alguns casos que estão em Tribunal, em que eles ficaram muito maltratados (abençoadas mulheres!). Mas, curiosamente, porque quem começou a agressão foram eles e não contavam obter a correspondente resposta à altura: uma panela de pressão pelos cornos abaixo, ou um ferro de engomar bem quente, atirado com uma bela pontaria, situação resultante de anos de sofrimento e de maus tratos. Legitima defesa, pois claro!

O caricato da questão, foi ver alguns políticos ranhosos, que gostam de ameaçar e de agredir o próximo, a substituir no facebook, nos dias 25 e 26 de Novembro, as suas próprias fotografias por fotos de mulheres marcadas pelas agressões, sem qualquer moralidade, num gesto de ridícula e total demagogia, feita à maneira, só porque querem parecer aquilo que não são, nem nunca hão-de ser, pela sua total incapacidade intelectual e falta de vergonha.

Nunca vi aqueles "filhos de uma mãe franquiada", a fazer o que quer que fosse, para acabar com o flagelo. Têm a faca e o queijo na mão para mudar a legislação e tornar as penas mais pesadas e não o fazem.

Ao invés, instituem um dia para chorar lágrimas de crocodilo por uma coisa para a qual se estão cagando de alto.

Espancadores de mulheres deste País: esta corja de inconsequentes, que anda no Facebook, quer que vocês, antes de começarem a malhar no lombo do vosso saco de porrada, vão comprar um ramo de rosas vermelhas, para lhe oferecer depois.

É de bom tom, para comemorar a data e para eles poderem anunciar na sua página pessoal, que gostam de violência contra as mulheres.

Sem comentários: