terça-feira, 23 de novembro de 2010

OS EFEITOS DA CRISE


O mentiroso cortou os abonos de família, os incentivos à natalidade, os subsídios de aleitamento e os duzentos euros por nascimento de cada bébé, a depositar em conta, até à maioridade.

O mentiroso deixou famílias inteiras na penúria, que mal têm para dar de comer às suas crianças.

O aldrabão não quer saber se os bébés portugueses têm condições mínimas de subsistência.

O vigarista é o tal que quer aumentar o IVA das fraldas, para 23%.

Por este andar, qualquer dia as famílias portuguesas terão de algaliar os seus bébés, ou arranjar outra forma mais expedita de não gastar fraldas descartáveis, que pesam muito no orçamento familiar.

Tudo por causa daquele mentiroso compulsivo.

Sem comentários: